sexta-feira, 18 de maio de 2007

Denúncia: PROFESSORES ENVOLVIDOS EM PROVAS DE AFERIÇÃO SOBRECARREGADOS COM DOIS DIAS DE AULAS EXTRAS




A directora adjunta da Direcção Regional de Educação do Centro (DREC), Cristina Dias, impõe aos docentes do 1.º Ciclo, envolvidos em provas de aferição, a compensação deste serviço escolar normal em aulas previstas para os períodos das manhãs dos dias 28 e 29 de Junho (de acordo com o seu despacho 209/2007, de 9 de Maio). Ou seja, sobrecarrega os docentes com mais dois dias de trabalho, sem qualquer recompensa monetária.

A FENEI/SINDEP promete recorrer às devidas instâncias para anular esta decisão prepotente, arbitrária e unilateral, e ressarcir os professores afectados, não faltosos e cumpridores das suas incumbências legais – a participação nos júris dos exames – e que se deparam, injustamente, com trabalho-extra não remunerado.



GABINETE DE IMPRENSA DA FENEI/SINDEP

Presidente da Direcção – Dr. Carlos Chagas

(Contactos: 21 393 10 14 / 91 491 83 65 / 91 888 01 74)


MORADA: Rua Domingos Sequeira, N.º 66 – 4.º Esq.do – 1350-122 LISBOA

TLF.: 21 393 10 10

FAX: 21 393 10 11

E-MAILS:

1 comentário:

Moriae disse...

A coisa é grave em outros aspectos pois há professores que ao terem esses serviços acrescidos excedem as 35 horas semanais. É claro que a situação por vocês apontada é do pior que se possa imaginar! Força aí porque por aqui tb me vou mexer!
Abraço